Recados do poeta

Olá, meus amigos.

Aqui, vou poder deixar alguns recados pra vocês, contar sobre o que tenho feito, visto, sentido, vivido...

Um grande abraço,

24 de junho 2021

Eu aprendi muitas coisas
De todas, a mais importante talvez
Foi a amar também a travessia por lugares estreitos
Ao compreender que quando me aperta o peito
É a vida que pulsa
Ao confiar que o estreitamento não vai me sufocar
Que posso também aproveitar dele
Que antes de eu não suportar
Para-se de estreitar-se e dá-se a expansão
O coração do Deus sabe como bater

23 de outubro 2018

Amigos, os tempos andam estranhos, nós andamos estranhos... É hora de, sobretudo, zelarmos por nossa liberdade, por nossa integridade, por nossa alegria... Só fazemos isso, reforçando o Amor em nós.

O mandamento ainda é o mesmo: Amemos e amemo-nos.

05 de janeiro 2017

Mas
não se engane.

Só se chega à calmaria
depois de muita tormenta,
e então a vida será
eterna
e efêmera.

E tudo serão
Cânticos.

Porque
enquanto existir em mim
alguma capacidade de amar,
continuarei vivendo;
se minha capacidade de amar
for infinita,
serei eterno.

09 de dezembro 2016

Meus amigos

Novamente é fim de ano... o tempo é um dos deuses mais lindos... e, como todo deus, é fundamental... amar, respeitar, aprender com ele...

Esse ano foi difícil, os últimos todos têm sido...

Que a luz no Natal ascenda em nossos corações... que aprendamos a amar a Deus, a nós mesmos, uns aos outros...

Que o ano novo nos aproxime da Paz e da Alegria de que tanto precisamos.

Amém!

Paizinho nosso, que estás no céu,
Seja santificado o teu nome,
De ti, mata em nós essa fome,
Faça-se aqui o reino teu.

Que tua soberana vontade
Seja sempre a nossa alegria,
Pão e poesia todo dia,
Agora e na eternidade.

Nós suplicamos o teu perdão,
Pra que sem pecados, afinal,
O Homem, doente, se torne são,

E, afastado de todo o mal,
Alcance, na total comunhão,
Sua liberdade integral.

11 de setembro 2016

Meus amigos...

Agora, no dia 28 de setembro (quarta-feira), desde as 18h30, lanço meu novo livro "Quarenta - sonetos", pela editora Edicon, na Livraria Martins Fontes, Av. Paulista com Brigadeiro Luís Antônio... Terá coquetel e show de música e poesia, Carminha (Queiroz) e eu faremos recital de música e poesia, com sambas, poemas do livro novo, e trechos do show Emoção Sincera...

Há de ser uma noite quente. Espero que vcs reservem a agenda pra nós...

Bjs...

10 de outubro 2014

A verdade
é que não me entendo...
Talvez por isso

"faça" Poesia.

31 de janeiro 2014

Aqui vocês vão encontrar quase tudo o que escrevi... exceto os poemas do meu último livro, Fazer Poesia, que ainda alimentarão o "site"...

Espero que o que encontrarem aqui alimente o afeto de vocês.

Abraços,

12 de novembro 2013

O espetáculo Eu Não Dava Praquilo, escrito por mim com Cassio Scapin, sobre a vida da atriz e diretora paulista Myriam Muniz, segue em cartaz, agora no Sesc - Santo André.

A direção é de Elias Andreato. Vale assistir... além de divertir, fazer pensar e emocionar, é poético até não poder mais.

Abraços.

01 de agosto 2013

Feliz com a peça "Eu não dava praquilo", cujo roteiro escrevi com o ator Cassio Scapin, para ele. Há na peça cinco poemas meus, dos livros 'a beleza fundamental de todos os lugares', 'Poeta no divã' e 'Fazer Poesia, além de dois inéditos. Há ainda citações de Clarice Lispector e Adélia Prado... Linda atuação do Cassio, direção do Elias Andreato... Vale conferir, no CCBB-SP, de sábado a segunda, até 23/9.

Aguardando a estreia no Espaço Viga do espetáculo contemporâneo de dança-poesia ESOAMORAPENASEU, do ator e bailarino Rico Malta, com direção de Pedro Cameron, baseado em poemas meus. Espero que seja lindo. Fica de 8/8 a 5/9, sempre às quintas-feiras.

Abraços,

Cássio

17 de outubro 2012

Meus amigos

A ANPAI (Associação Nacional de Poetas, Autores e Artistas da Itália) publica livros e o jornal Bacherontius ininterruptamente desde 1969, mantendo a tradição literária da região do “Tigullio”, por onde passaram figuras ilustres como os escritores Byron, Sbarbaro, o filósofo Nietzsche, músicos como Wagner, isso para não mencionar Eugenio Montale ou Carlo Bo.

A Associação promove o Prêmio Literário Internacional S.Margherita Ligure-Franco Delpino, que se encontra na sua 35ª edição; com o passar dos anos, o prêmio tornou-se artístico multidisciplinar e promove competição nas áreas de poesia, narrativa, fotografia e artes plásticas, podendo concorrer tanto obras já editadas como obras inéditas.

A Comissão Julgadora da 35ª edição do Premio Letterario Internazionale “S. Margherita Ligure-Franco Delpino” 2012, depois de ter examinado obras enviadas por 707 participantes de toda a Itália e poemas meus publicados na Itália em 2010, pela editora Liberodiscrivere, na coletânea “Só Poesia / Solo Poesia”, organizada, traduzida e prefaciada por Amina Di Munno, atribuiu três prêmios absolutos:

1º Prêmio Absoluto Poesia: Cássio Junqueira, de São Paulo; 1º Prêmio Absoluto Artes Plásticas e Fotografia: Aida Vivaldi, de Palermo; 1º Prêmio Absoluto Narrativa: Giovanni Ciaravolo, de Milão.

Na categoria poesia, em que me foi atribuído o prêmio absoluto, prêmios especiais e menções honrosas foram atribuídos a poetas de Roma, S. Margherita, Gênova e Castellino Tanaro (CN), o que reafirma a Itália como berço de muitos e grandes poetas, desde Dante Alighieri e Petrarca.

As cerimônias de premiação serão realizadas nos dias 21 e 28 de outubro, domingo, às 10 horas, na Sala degli Stucchi di Villa Durazzo a S. Margherita Ligure.

Para ver todo o resultado do concurso, o link é: http://www.tigulliana.org/component/content/article/205.html

Vou fazer um bate e volta e passar apenas dois dias na Itália para estar na cerimônia do dia 21.

No dia 29 de outubro, segunda-feira, será o lançamento do meu novo livro “Fazer Poesia”, pela editora Edicon, na Livraria da Vila do Shopping Higienópolis, em São Paulo. O evento acontecerá das 18h30 às 21h30; haverá sessão de autógrafos, coquetel e recital de música e poesia comigo e a cantora Carmen Queiroz.

Espero abraçar vocês!!!